Mikhaila Peterson é a garota-propaganda para uma vida com zero carboidrato


Ela é a garota-propaganda global de um estilo de vida carnívoro e cetogênico.

Seguindo seus passos está seu famoso pai, Dr. Jordan Peterson, psicólogo clínico e professor de psicologia da Universidade de Toronto.

Pai e filha reverteram todos os sintomas de doença autoimune grave que os atormentou por décadas no corpo e na mente.

Jordan não tem mais problemas digestivos, psoríase menor, úlceras na boca, fadiga ou qualquer dificuldade em manter um peso saudável.

Quando tinha 17 anos, Mikhaila tinha 38 articulações afetadas e múltiplas substituições de articulações. Ela também sofreu eczema, erupções cutâneas em todo o corpo, coceira sem fim, acne severa no rosto, acne cística nas nádegas, na área vaginal e nas axilas.

Tudo acabou e pai e filha também superaram a depressão debilitante.

Por meio da vida cetogênica (muito baixa em carboidratos e muita gordura), ambos estão fora de todas as drogas prescritas pelos médicos. Eles nunca se sentiram melhor em corpo e mente e dizem que não voltarão aos seus antigos hábitos alimentares.

A história de Mikhaila é um poderoso antídoto para o caos de táticas de medo, mitos e desinformação que ela enfrentou sobre dieta e nutrição.

Se ela pudesse editar sua vida, há uma coisa que ela mudaria. Ela teria começado uma dieta exclusivamente de carne desde o primeiro dia. Ou pelo menos ela teria descoberto antes de precisar de cirurgia.

"Espero que todos os infelizes, com excesso de peso e doentes descubram que é a comida que causa os seus problemas. E isso não é culpa deles e eles podem melhorar. Eu só quero que essa informação se espalhe."

Isso leva a sua utopia: "Um lugar onde o glúten é ilegal, desinformação sobre dieta não existe e as pessoas não acham que o vegetarianismo é a dieta mais saudável", diz ela.

Fonte: https://bit.ly/2jlkALr

Comentários